Pages Navigation Menu

Jardim do Remo | Passeio das Artes

Fotos: Eduardo Liotti

Os espaços Jardim do Remo | Passeio das Artes, assinados pelo escritório ART | Righi + Tessari, é naturalmente, um lugar de integração com a arte, cores e a beleza natural. Liga, em seu traçado geométrico, o asfalto da cidade às águas do Guaíba. Pensamos esse espaço para conectar os visitantes da mostra à sua essência mais pura. Inspirados por referências de espaços públicos e semi-privados ao redor mundo, onde o visitante é convidado a interagir com o ambiente, criamos uma passarela repleta de cores, obras de arte e muito verde para provocar uma plena experiência sensorial. Queremos que cada pessoa que por ali passar, independente de como tenha entrado, chegue ao fim do caminho sentindo-se em um elevado nível de bem-estar, leveza e alegria.
Inspiração para criação do espaço: O pôr do sol foi a nossa primeira inspiração, por isso, tivemos a ideia de fazer a passarela em sua direção. A partir disto, trouxemos espaços de estares e de contemplação, onde dispomos ao longo do percurso obras de arte em grafite, desenvolvidas pelo Fabio Panone da Flop Studio, e esculturas de ferro. Os espelhos d’água, às margens do caminho, remetem às escuras águas do Guaíba. Além disso, nos inspiramos em uma história muito bonita do clube GPA, a Guarnição Júpiter. Fizemos uma homenagem a ela em um dos grafites. Esta é a mais antiga guarnição do mundo, tem 80 anos e é composta pelos 6 remadores mais experientes do clube. TODOS os domingos eles tomam café da manhã juntos em uma ilha do Guaíba, demonstrando o amor e a total conexão com o lago, que os proporciona a prática do esporte; é lindo de ver o respeito e o enorme carinho!
 
Principais referências de estilo: O grafite, que nós tanto admiramos, é uma forte característica no Brasil, reconhecido entre os melhores do mundo! Imprimir esta arte fortifica a identidade que pensamos para o espaço com criatividade, atitude e exclusividade. O mobiliário de cordas da Tidelli e a arte em ferro de Pedro Girardello, com sua permeabilidade e seu jogo sincero de luz e sombra, causam encantamento e ampliam a sensação de plenitude. Já o mobiliário em compensado naval foi desenhado por nós com o objetivo de convidar as pessoas a acomodarem-se descontraidamente, aproveitando esta áurea de conexão. Usamos materiais simples, mas de forma criativa! Chamamos a atenção para o muro de blocos de concreto, no qual trouxemos uma nova maneira de aplicá-lo, valorizando os traços retilíneos do material e o efeito desconcertado da iluminação. Ao fundo, o painel amarelo também foi desenvolvido de forma distinta, buscando ressaltar os traços geométricos encontrados ao percorrer em nossa passarela.
A iluminação foi escolhida para enaltecer a beleza natural, a arte e a alma acolhedora do projeto. Ela é responsável por dar vida ao espaço após o majestoso pôr do sol.
Para compor o paisagismo optamos, basicamente, por leves maciços verdes, respeitando e privilegiando as árvores existentes, de médio e grande porte, que já vestiam de verde todo o espaço.
A ideia inicial de uma cabana de espelhos – que permitia que cada pessoa pudesse se observar por diferentes ângulos, evoluiu para os arcos que, além de causar o mesmo efeito da cabana, transforma a visão do espaço em uma colagem de imagens a cada passo do desfilar na passarela, permitindo uma interação provocante com novos pontos de vista da sua própria imagem e de todo entorno.
O antigo barco de 12 metros disposto na parede em sentido vertical – valorizando a altura da edificação, foi restaurado em busca de homenagear a história do local e de todos os remadores que fazem parte do Clube. Também utilizamos parte da provocante frase de Fernando Pessoa, reforçando a arte de inspirar.
Com pequenas intervenções buscamos transformar o Passeio das Artes, ambiente adjacente batizado por nós, em um caminho de ligação, reflexão e apreciação. Os toldos em forma de velas, também são uma referência a outros esportes náuticos que fazem parte das relações da cidade e do rio! Os quadros e o grafite do polvo foram pintados pelo artista Renan Canzi, da Casulo Estratégico. Como no mural, fizemos um breefing da ideia e deixamos os artistas livres para criarem, suas artes têm muita expressividade e permitem muitas interpretações, o nosso intuito é fazer com que cada observador possa desenvolver a sua!

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...